Conteúdo do post no blog

Lance Seu Negócio Online em Apenas 7 Dias

Você já teve o sonho de acordar com uma notificação que diz “R$1.500,00 foram depositados em sua conta”?


Você tem habilidade para criar conteúdos notáveis e gostaria de fazer dinheiro com isso?


Então, o marketing de afiliados é a resposta para você!


Você não seria o único que nunca ouviu este termo antes, e provavelmente deve estar pensando “O que é marketing de afiliados?”


Bem, de forma simples, marketing de afiliados é quando uma empresa divulga seu negócio através de terceiros. Estes terceiros então ganham uma comissão por cada lead convertido.


O marketing de afiliados é dividido em três partes:

  • O vendedor: é a empresa que tem uma oferta que precisa ser divulgada.
  • O afiliado: é a pessoa que faz a divulgação da oferta.
  • O consumidor: é a pessoa que compra a oferta.

Para ter sucesso no marketing de afiliados, cada um destes três fatores precisa ser considerado.


Quando feito de forma efetiva, é uma situação ganha-ganha para todo mundo!


O vendedor tem lucro através da oferta divulgada, o afiliado recebe dinheiro através de comissões e o consumidor consegue o que deseja.


Quem não acharia isso uma oferta tentadora?


Agora que você está com vontade de saber mais, vamos começar nossa jornada às respostas sobre como ganhar dinheiro como afiliado.


Aqui está um guia completo sobre marketing de afiliados para iniciantes que fornece 6 passos essenciais para ter sucesso e fazer dinheiro com marketing de afiliados.

1. Como funciona o marketing de afiliados?

Como funciona o marketing de afiliados?

Você vai ficar surpreso com a simplicidade do processo do marketing de afiliados — que pode ser resumido em três passos fáceis:

  • Uma empresa fornece links para suas ofertas que os afiliados interessados podem escolher.
  • O afiliado compartilha o link, geralmente através de algum tipo de conteúdo.
  • O consumidor usa o link para realizar a compra, fazendo com que a empresa ganhe lucro e o afiliado ganhe uma comissão.

Estes são os fundamentos do marketing de afiliados.


No entanto, certamente você tem algumas dúvidas sobre os aspectos fundamentais deste assunto.

1.1. Rede de afiliados e programa de afiliados

Rede de afiliados x programa de afiliados

Então, uma das primeiras coisas que você deve estar se perguntando como um afiliado novato é “Como os afiliados conseguem os links das empresas?”


A resposta é: através de redes de afiliados e programas de afiliados.


Geralmente estes termos são confundidos um com o outro, então nós detalharemos cada um para você.


Uma rede de afiliados age como um intermediário entre os vendedores e os afiliados, onde as empresas podem colocar seus links e os afiliados podem escolher, dentre a gama de ofertas, aquelas que eles querem divulgar.


Um espaço neutro é criado pelas melhores redes de afiliados ao qual tanto as empresas quanto os afiliados precisam aderir.


As vantagens incluem desde pequenas empresas que ganham grande exposição entre afiliados aos quais, de outra maneira, não teriam acesso, bem como afiliados que recebem acesso a uma extensa variedade de ofertas entre as quais escolher.


Entretanto, o lado negativo é que a maioria das redes de afiliados cobra uma taxa de serviço dos vendedores.


Diferente dos programas de afiliados que são elaborados exclusivamente pela própria empresa.


Os afiliados então se juntam ao programa de afiliados de uma empresa e recebem acesso aos links.


A principal vantagem disso é que as empresas têm mais controle sobre o programa e mais acesso direto a seus afiliados, construindo relações mais próximas e fortes entre vendedor e afiliados.


Uma das inconveniências disso é que requer uma quantia considerável de tempo e esforço, especialmente se comparado às redes de afiliados.


Criar seu próprio programa de afiliados pode parecer um pouco assustador.


É por isso que existem algumas ferramentas de apoio para te dar uma mão durante este processo.


A Systeme.io, por exemplo, tem tudo o que você precisa para gerenciar seu programa de afiliados.


Ao usar seu próprio software, a systeme.io gera mais de $300.000 em vendas todo mês!


Dependendo do tamanho e das prioridades do seu negócio, escolher qual caminho seguir é uma decisão muito individual.

1.2. Como os afiliados são pagos?

Como os afiliados são pagos?

A próxima grande pergunta que você deve estar fazendo é “Como serei pago?”


Como dissemos antes, os afiliados recebem através de comissões, algumas vezes superiores a 10%.


Mas, você sabia que há três tipos diferentes de marketing de afiliados?

  • Pagamento-por-clique (PPC)

O afiliado é pago pelo tráfego enviado para o site da empresa.


Então, se o prospect clica no link e é redirecionado para o site, mesmo que ele compre ou não, o afiliado ganha dinheiro.


Logo, o único objetivo do afiliado é despertar o interesse do leitor apenas o suficiente para ele querer saber mais, clicando no link.


Este é um dos métodos mais raros, uma vez que mais tráfego nem sempre significa mais vendas, ainda que, de qualquer forma, o afiliados seja pago.

  • Pagamento-por-lead (PPL)

Neste modelo, para cada lead que é convertido, o afiliado é pago.


Isso significa que o objetivo do afiliado é fazer com que o lead vá até o link e também realize a ação desejada, quer seja responder um formulário, assinar um período de teste grátis, inscrever-se em uma newsletter ou fazer o download de um software.


Este modelo requer do afiliado um pouco mais de poder de atração.

  • Pagamento-por-venda (PPS)

Este é o modelo mais comum, uma vez que tira da empresa toda a pressão da venda e deixa para o afiliado.


Agora, o afiliado só é pago se uma compra bem-sucedida for feita.


O afiliado precisa fazer todos os esforços, uma vez que ele precisa não apenas interessar o leitor mas também convencê-lo completamentea fazer a compra.


Outra coisa importante a considerar é como o dinheiro vai chegar na sua conta.


Cada rede e cada programa tem suas preferências, mas os principais métodos de pagamento são:

  • Paypal
  • FirstChoice
  • Paxum
  • Payza
  • ePayments
  • WebMoney
  • Skrill
  • Neteller
  • Bitcoin
  • Western Union
  • Transferências Bancárias

Tudo isso leva a questão mais importante de todas…

1.3. Quanto os afiliados podem ganhar?

Quanto os afiliados podem ganhar?

A renda de um afiliado é como uma planta — você precisa nutri-la e cuidar de seu desenvolvimento para ela crescer e fornecer retorno sobre seus investimentos.


No início, não passa de uma semente simples, genérica — modesta por fora, mas guardando em seu interior um amplo e desconhecido potencial para crescimento.


Seus ganhos (como iniciante) provavelmente serão pequenos no começo — mas através da nutrição consistente dos seus afiliados e links, eles podem se tornar muito lucrativos como uma forma de monetizar seu site ou blog.


Aqui está a trajetória de crescimento que você pode esperar:

  • Afiliado de nível básico (ganhando até $ 300/dia) — isso acontecerá quando você nutrir continuamente sua plantinha, até que ela se torne uma planta modesta;
  • Afiliado de nível intermediário (ganhando até $ 3000/dia) — isso acontecerá quando sua planta se tornar auto-suficiente, com capacidade para crescimento;
  • Afiliado de alto nível (ganhando mais de $ 3000/dia) — isso é quando sua planta se tornou uma árvore totalmente crescida, que continua a produzir mais frutos.

Para todos os que superam as expectativas, há mais uma divisão que separa o crescimento de uma árvore do crescimento de uma floresta.


Você pode se tornar um super afiliado e fazer mais de $ 10.000 por dia!


Mas não desanime se você ainda está tentando conquistar seus primeiros $ 1.000.


Estima-se que pode levar algo entre 12 e 18 meses para você alcançar os primeiros $ 1.000 — mas, a partir daí, realmente fica mais fácil.


Trabalhe duro e, a longo prazo, tudo valerá a pena.


Seu sucesso dependerá do seu conteúdo, nicho, com que frequência você publica, e das estratégias de SEO (otimização para mecanismos de busca) que você segue.


Lembre-se que o marketing de afiliados é uma fonte de renda passiva em tempo parcial — mas ainda assim você pode acordar com milhares de dólares em sua conta bancária se você fizer do jeito certo, se destacando dos outros profissionais do marketing de afiliados.

2. 6 Passos para ser um profissional bem-sucedido do marketing de afiliados

sucedido do marketing de afiliados

Agora que vimos o básico de como funciona o marketing de afiliados, tenho certeza que você está ansioso para descobrir como se tornar um afiliado.


Mas, como vimos na seção anterior, tornar-se apenas mais um afiliado não é suficiente.


Para sua sorte, nós mapeamos todo o caminho!


Aqui estão os 6 passos essenciais para fazer dinheiro com marketing de afiliados.

2.1. Encontre seu nicho

Encontre seu nicho

Seria impossível criar conteúdo que satisfaça toda pessoa na internet.


Por isso é tão importante que você encontre seu nicho de mercado.


Seu nicho de mercado é um setor distinto do grande mercado que é composto por seus clientes em potencial.


Ele deve coincidir com seus interesses, habilidades e expertise. Encontre um nicho em que você se veja apaixonado por anos a fio.


No marketing de afiliados, seu nicho de mercado são as pessoas mais propensas a gostar do seu conteúdo, clicar no link e fazer a compra.


Para que todas as pessoas desse grupo estejam interessadas na mesma coisa, elas devem ter algo em comum, certo?


Bem, é exatamente isso! Ao encontrar essa característica, traço ou interesse comum, você pode mirar no seu nicho de mercado.


Essas semelhanças podem ser:

  • Demográfica
  • Estilo de vida
  • Financeira
  • Cultural
  • Necessidades
  • Profissão
  • Hobby

É seu trabalho descobrir o que separa seu nicho do restante do mercado.


E você pode fazer tudo isso através de pesquisa.


Pesquisar seu nicho de mercado é a única maneira de conhecê-lo.


Três dos métodos mais eficientes de pesquisa para determinar seu nicho de mercado são:

  • Pesquisa por palavras-chave

Todo nicho tem suas próprias palavras-chave.


Por exemplo, o nicho de “donos de pet” terá palavras-chave como “brinquedos para pet”,


“higiene para pets” e até mesmo “quanto tempo demora para um anel de diamante sair pelo sistema digestivo do meu pet?”. Embora a última seja conhecida como palavras-chave long tail (long tail é a expressão em inglês para cauda longa).


A internet nos abençoou com sofisticadas ferramentas chamadas geradores de palavras-chave.


Elas podem dar a você todo tipo de informações sobre sua palavra-chave, a maior parte na forma de palavras-chave long tail que as pessoas em seu nicho estão procurando.


Ao pesquisar as palavras-chave de seu nicho que representam seu conteúdo, você está apto a identificar as perguntas que seu nicho de mercado está fazendo e que você pode responder em seu conteúdo, fornecendo a solução definitiva como sendo a oferta que você está divulgando.

  • Investigando a concorrência

Tentando encontrar o que funciona no seu nicho? Por que não dar uma olhada nas pessoas que já estão tendo sucesso?


Ao avaliar os líderes do seu nicho, você pode identificar tudo o que eles estão fazendo certo e que efetivamente engaja no seu nicho de mercado.


Você pode utilizar as mesmas táticas, de uma maneira que ainda separe você de seus concorrentes. Ser uma cópia deles não vai te levar a lugar algum.

  • Analisando as tendências

As tendências de pesquisa podem dizer mais sobre o seu nicho do que você pode imaginar.


Uma ferramenta útil é o Google Trends.


Ela vai te mostrar o que está sendo pesquisado no seu nicho e quando está sendo pesquisado.


Isso é extremamente útil para aprender o que é popular no momento para que você possa criar conteúdo relevante, além de programar seu conteúdo para estar em dia com as tendências.


18,7% dos programas de afiliados são direcionados para o nicho da moda, enquanto os esportes e atividades ao livre ficam em segundo lugar com 14,6%.


Definir seu nicho de mercado é fundamental para encontrar seu lugar no mercado.


Isso terá um papel importante ao escolher a oferta que você quer divulgar e ao criar conteúdo adequado para o seu público.

2.2. Defina sua plataforma

Defina sua plataforma

Talvez você já tenha espaço onde possa lançar seu conteúdo na internet.


E também você talvez até já tenha estabelecido uma base fiel de leitores.


Se este for o caso, esta seção irá te ensinar como otimizar sua plataforma. Mas, se não for… bem, você tem muito a aprender!


Pense no conteúdo que você consumiu hoje. Você checou seu Instagram?


Talvez assistiu a um vídeo no YouTube? Você leu um artigo ou blog?


Você pode não ter percebido, mas essas atividades são suportadas por plataformas.


Escolher uma plataforma para seu conteúdo depende muito do conteúdo em si — blogs, vídeos ou imagens.


Blogs se tornaram o meio favorito dos afiliados, então falaremos deles primeiro.


Você tem duas opções — criar seu próprio blog do zero ou usar uma plataforma para blogs.


A vantagem de uma plataforma para blogs é que elas dão a você todos os softwares necessários para criar um blog.


Tudo o que você precisa fazer é escolher um template, customizá-lo e então começar a criar!


Tenho certeza de que você já ouviu falar do WordPress.


Esta é definitivamente uma das melhores plataformas para blogs, especialmente para profissionais do marketing de afiliados, uma vez que oferece uma gama de ferramentas e plugins apenas para tornar o marketing de afiliados muito mais fácil.


Há também outras ótimas plataformas para blogs por aí, como a Wix, Webnode, Squarespace, Blogger e Medium.


Até mesmo a systeme.io tem um recurso para blogs. Some isso à funcionalidade do programa de afiliados e você estará pronto!


Agora, vamos falar sobre vídeos.


Não há concorrência para eles. O YouTube reina soberano.


Começando no despertar das mídias sociais, o YouTube conseguiu ir longe rapidamente, deixando toda e qualquer plataforma de vídeos na poeira.


Embora haja plataformas populares de vídeos surgindo, a saber o TikTok e antes disso, o Vine, o formato e proposta do conteúdo em vídeo são completamente diferentes. Por isso, não consegue tirar nada do YouTube.


O YouTube teve um papel fundamental na estrutura e formato do conteúdo em vídeo que conhecemos hoje.


E, mesmo que o YouTube tenha se tornado um mercado saturado, ainda é completamente possível conseguir um espaço para seu nome.


Aqui está um vídeo preferido no YouTube sobre como começar e fazer crescer seu canal no YouTube do zero.


Finalmente, temos as redes sociais.


As redes sociais percorreram um longo caminho desde atualizar seu status no Mxit, e agora está amplamente povoado por empresas e marketing.


A maioria das plataformas de redes sociais trabalha com alguma diversidade de recursos visuais.


O Facebook é ainda uma força a ser reconhecida, sendo a rede social mais popular.


Entretanto, o surgimento da cultura de influencers no Instagram tem feito dele uma plataforma tentadora para afiliados.


Um influencer é um indivíduo no Instagram com grande influência sobre uma grande quantidade de pessoas, geralmente com o mínimo de 10.000 seguidores.


Estes influencers estão sobretudo influenciando a sua audiência a comprar algum tipo de oferta.


Percebe por que os profissionais de marketing de afiliados estão encontrando potencial nisso?


Tornar-se um influencer pode ser algo complicado, mas, por sorte, existem alguns guias com passo a passo para te ajudar.


Com sua plataforma escolhida, seu próximo passo é construir uma base de leitores.


Este é o grupo de fiéis usuários que continuam voltando pelo seu conteúdo.


Isso significa mais tráfego, e mais tráfego significa mais cliques nos seus links de afiliado.

2.3. Junte-se a uma rede ou programa de afiliados

Junte-se a uma rede ou programa de afiliados

Fonte: Hotmart

Agora que você encontrou sua posição e escolheu sua plataforma, é hora de se tornar um afiliado.


Mas, ainda existe uma questão — programa de afiliados ou rede de afiliados?


Felizmente para você, como um afiliado, existem as duas opções grátis - rede e programa -, então dinheiro não é um problema.


Bem, vamos pesar as opções;


A principal vantagem de uma rede de afiliados é que você tem acesso a uma variedade de marcas, então você não precisa varrer a internet em busca de produtos individuais.


Alguns bônus extras são: rastreamento padronizado, métodos confiáveis de pagamento e APIs para links e relatórios.


Mas, sempre há dois lados em cada moeda.


Redes de afiliados não apenas têm muita competição para produtos, mas também pode ser uma luta candidatar-se e negociar com as marcas, além de que as marcas podem mudar para outra rede de afiliados, gerando um link quebrado.


Quando se trata de programas de afiliados, você trabalha diretamente com a marca, o que te ajuda a construir um relacionamento melhor.


Isto posto, pode ser difícil encontrar programas de afiliados confiáveis e eficazes.


Infelizmente, esta questão permanece em aberto, porque realmente não há uma resposta certa ou errada.


Você apenas precisa levar tudo em consideração e decidir qual opção funciona melhor para você.

2.4. Escolha seu produto

Escolha seu produto

Uma vez que você escolheu sua rede ou programa, você está pronto para escolher uma oferta.


Isso pode parecer uma decisão simples, mas escolher a oferta certa pode alavancar ou arruinar seu marketing de afiliado.


Por isso, para colocar você no caminho certo, aqui estão algumas coisas para manter em mente quando decidir sobre a oferta:

  • Mantenha-se no nicho escolhido

A oferta tem que estar alinhada ao seu nicho, se não você irá vender o produto errado para as pessoas erradas.

  • Escolha algo que você conhece e ama

Sua habilidade de vender uma oferta aumenta drasticamente se for algo que você mesmo compraria — você saberá quais funcionalidades a destacar e demonstrar serão vantajosas ou não.

  • Pergunte a si mesmo se é uma decisão rentável

Mesmo que você comprasse uma oferta, não significa que todo mundo compraria; você deve pesquisar a oferta e garantir que há mercado suficiente para ela; do contrário, será apenas perda de tempo.

  • Mire alto

Pode-se imaginar que, quanto mais caro o produto, mais difícil será de vender.


Na verdade, quanto mais caro for o produto, mais você ganha.


Lembre-se, você recebe por comissão. Então, se você acredita no seu produto, vá em frente!

  • Mantenha a relevância

Ao escolher produtos evergreen, você garante que seu link nunca perde a relevância.


Isso significa que você pode obter uma renda duradoura e consistente dos links que compartilhou tempos atrás.

2.5. Crie e compartilhe seu conteúdo

Crie e compartilhe seu conteúdo

Isso era tudo o que estávamos esperando — criação de conteúdo!


Quero dizer, o que seria de um link sem conteúdo? Uma péssima estratégia de marketing de afiliados, com certeza!


Nós já falamos sobre as diferentes plataformas necessárias para cada tipo de conteúdo, mas não falamos sobre as abordagens que seu conteúdo pode ter.


Aqui está uma lista dos formatos de conteúdo mais populares para marketing de afiliados:

  • Reviews: ao fazer uma criteriosa avaliação de um produto, se torna muito fácil direcionar o consumidor para ele.
  • Tutoriais: guias “como fazer…” sobre uma oferta definitivamente permitem que você acrescente seu link de afiliado no final.
  • Blogs pessoais: estes blogs focam em histórias e experiências que você pode colocar em volta de uma oferta.
  • Comparações de produtos: assim como os reviews, as comparações de produtos te dão não apenas uma, mas duas oportunidades de afiliação.
  • Posts de produtos: compartilhar uma imagem em suas redes sociais com seu produto é uma maneira simples e eficaz de oferecer seu link.
  • Página de utilidades: você pode até ter uma página em seu site dedicada a recursos úteis e relevantes como produtos, ferramentas e serviços.

3. Estratégias do Marketing de Afiliados

Estratégias do Marketing de Afiliados

As estratégias do marketing de afiliados são a única opção de sair do nível básico para afiliado de alto nível.


Estas são as estratégias que você deve usar para otimizar seu conteúdo, gerar tráfego e, finalmente, converter mais leads.

3.1. Mantenha abertas suas opções de afiliação

Você nunca deve querer se fechar para oportunidades.


Uma simples e poderosa estratégia é afiliar-se a mais de uma marca.


Isso abastece você com mais leads, mais tráfego e mais dinheiro. Você também pode configurar um fluxo constante de renda — se a popularidade de uma oferta cair, a de uma outra oferta sua pode subir.

3.2. Otimize suas taxas de conversão

Primeiramente, você precisa testar e analisar suas taxas de conversão.


Este é o número de pessoas que clicam em seu link versus o número de pessoas que realmente compram a oferta.


Há uma abundância de ferramentas incríveis na internet para ajudar você a desenvolver isso.


Uma das maneiras mais fáceis de fazer isso é realizar um Teste A/B. Para fazer isso, você define duas versões diferentes do seu site e verifica qual tem melhores reações, focando nas taxas de conversão.


Considere seu design, call-to-actions (CTAs), imagens, cupons de desconto e ofertas, senso de urgência, fontes de tráfego, o posicionamento e a apresentação do seu link.

3.3. Seja honesto com seu público

Todo mundo aprecia a honestidade.


As pessoas não gostam quando você finge que não está vendendo alguma coisa, quando claramente você está.


Isso pode parecer falso e manipulativo.


Há também a legalidade de toda a questão.


Tecnicamente, você tem que fazer com que sua audiência saiba que você é um afiliado e está ganhando uma comissão.


requisitos legais muito rigorosos que precisam ser seguidos no marketing de afiliados.


Você pode receber uma penalidade alta que acabará com sua carreira de afiliado se a regulamentação não for estritamente seguida.


Certifique-se de estar nos requisitos da lei e você não terá com que se preocupar.

4. Conclusão

Você aprendeu que a pergunta “Como ganhar dinheiro com marketing de afiliados” tem uma resposta bastante simples.


Tudo o que você tem que fazer é criar uma plataforma dentro do seu nicho, escolher um produto através de um programa ou rede de afiliados, elaborar seu conteúdo e receber seu pagamento.


Entender os mecanismos interiores, bem como as principais estratégias, também pode te ensinar a ser bem-sucedido no marketing de afiliados.


Então, o que você está esperando?


Comece sua jornada no marketing de afiliados hoje mesmo!

Estes artigos também podem ser do seu interesse:

Download the book

Obtenha este guia gratuito

O Novo Sistema para Lançar

um Negócio Online

O que você vai aprender:

  • Como começar seu primeiro negócio online em 7 dias
  • Como dominar uma habilidade online de alto retorno
  • Os segredos para escalar seu negócio para o próximo nível

Nós ODIAMOS spam. Seu endereço de email está 100% seguro.

A Systeme.io é uma ferramenta para construir seu negócio online de forma simples, acessível e intuitiva. Feita para qualquer um que deseja ter um negócio de sucesso.

© systeme.io. Todos os direitos reservados.

© systeme.io. Todos os direitos reservados.